Você já pensou em usar a gamificação nas empresas para ganhar a atenção dos seus clientes? Isso é perfeitamente possível, inclusive, gerando o engajamento necessário para fortalecer a sua marca.

Pensar em estratégias que geram experiências diferenciadas e humanizadas é imprescindível para empresas que querem transmitir conteúdos e diferenciais capazes de converter mais vendas.

Quer saber como fazer isso? Confira neste post algumas estratégias de gamificação que podem surpreender seus clientes!

Como funciona a gamificação nas empresas?

Gamificar uma interação significa trazer elementos que promovem a identificação com o cliente e o encorajem a responder aos estímulos recebidos. É como criar um jogo que direciona a experiência.

Seus elementos básicos são:

  • os personagens ou a representação do cliente no jogo;
  • as regras que ele precisa seguir;
  • seus objetivos finais;
  • a forma de pontuar sua evolução;
  • a recompensa ou premiação.

Essa mistura cria um universo de aplicações para a gamificação no relacionamento com o cliente — desde sua atração, passando pelo engajamento e pela fidelização.

Quais são as vantagens da gamificação nas empresas?

Existem algumas vantagens em usar a gamificação nas interações comerciais. Citamos algumas a seguir.

Criar uma conexão emocional com o cliente

Quando uma empresa premia comportamentos, estimula atitudes e ações, está criando oportunidades e sentimentos positivos em seu público por meio de gatilhos mentais.

Criar o senso de exclusividade oferecendo benefícios mais atrativos para aqueles clientes que atingem determinada pontuação em um programa gamificado é um bom exemplo disso.

Ao conquistar esse status, eles experimentam emoções e o sentimento de vitória mesmo antes de usufruir do que foi conquistado.

Atrair novos clientes

Uma experiência positiva e engajadora gera comentários e sugestões, e é isso que acontece quando um cliente vivencia uma gamificação interessante — ele a promove para seu ciclo social.

Essa ação também pode ser estimulada nas próprias regras da interação gamificada, inclusive.

Fidelizar e gerar novos negócios na base de clientes

Um cliente engajado e conectado com a empresa sempre pode gerar novos negócios. Em função disso, a gamificação pode ser utilizada para manter o contato frequente, potencializar sua experiência por meio de novas informações sobre os produtos ou serviços adquiridos, além, é claro, de permitir a criação de ofertas e a premiação daqueles que as acatarem.

Qualificar leads e direcionar a jornada de compra

A gamificação também pode colher opiniões e informações cruciais sobre o perfil do cliente — o que, por consequência, pode ser usado para segmentar e qualificar aqueles que estão prontos para receber ofertas, bem como os demais, que ainda precisam ser nutridos com informações e incentivos.

Gamificar a estratégia de relacionamento com o cliente também ajuda no direcionamento da jornada de compra, já que, de acordo com a reação a cada incentivo oferecido, a empresa pode criar novos elementos e argumentos para dar prosseguimento à jornada.

Qual é a relação entre gamificação e inteligência artificial?

Nos dias de hoje, promover a gamificação nas empresas exige o apoio de tecnologias e inovações como os chatbots. Isso acontece porque eles são capazes de promover interações a partir das regras preestabelecidas em sua base.

Se um dos pilares da gamificação é justamente a existência de regras, isso faz total sentido, certo?

A gamificação depende da interação, e adotar os chatbots para gerenciar tal estratégia garante agilidade, humanização e personalização nas ações realizadas.

Os chatbots podem, por exemplo, oferecer opções de personalização do jogo, garantindo que a experiência seja única para cada um dos clientes. Usando a inteligência artificial, é possível perceber a diminuição do engajamento, e, então, lançar novos incentivos para a participação.

Até mesmo em eventos a gamificação pode ser utilizada para promover experiências mais relevantes. Uma jornada do conhecimento pode oferecer badges para cada palestra que o cliente acompanhar e criar um ranking para aqueles que, além da participação, também tenham bons resultados em avaliações de conteúdo. São regras que, ao serem seguidas, renderão premiações para os melhores participantes.

Já imaginou otimizar a experiência dos seus clientes com jogos? Quer outras dicas de uso para a gamificação nas empresas, chatbots e também ficar por dentro de outras inovações para o relacionamento com seu cliente? Curta a nossa página no Facebook e acompanhe outras publicações como esta!