Muitas relações pessoais e profissionais migraram do mundo real para o virtual. É o caso de alguns eventos e cursos, que são transmitidos integralmente por meios digitais. Por esse motivo, focar na melhoria da experiência do usuário já seria absolutamente necessário, certo?

Mas não para por aí: alguns eventos ainda precisam ser realizados presencialmente, o que gera uma nova demanda de planejamento para todas as etapas de suas realizações: trazer inovações e conteúdos interativos para esse ambiente. Neste post, você vai encontrar uma lista de razões e benefícios que a otimização da experiência do usuário em eventos pode proporcionar. Confira.

1. Melhorar a absorção do conteúdo oferecido

Os modelos de ensino tradicionais, como foco na exposição estática do conteúdo, não são compatíveis com a maioria dos perfis dos usuários dos eventos. Eles estão mais conectados e inseridos no mundo virtual, que, entre outras características, carrega sua agilidade na transmissão de dados e uso de formatos personalizados e interativos.

Por isso, para ter sucesso na transmissão do conhecimento, é fundamental usar soluções que ofereçam experiências similares ou superiores àquelas vivenciadas nas redes sociais e demais canais digitais.

2. Promover a integração do público-alvo pela experiência do usuário

Ao planejar um evento para determinado grupo, ações prévias podem criar expectativas, oferecer conteúdos e promover a integração do público. Para isso, é possível utilizar técnicas como a gamificação. Nela, etapas devem ser concluídas para que o usuário possa alcançar o próximo nível, desvendar uma informação ou receber pontuações que o engajam.

Uma das ferramentas que podem ser utilizadas nesse sentido são os chatbots, os quais, nos dias que antecedem o evento, podem criar interações em formato de quizz sobre a temática. Quanto mais surpreendente, maior será a expectativa criada, assim como uma possível integração entre os participantes, que poderão comparar suas avaliações, conversar nas redes sociais etc.

3. Personalizar o conteúdo

Nas etapas que antecedem os eventos, os chatbots também podem entrar em ação para realizar interações e aprofundar os conhecidos acerca dos perfis dos participantes, seja por conversações realizadas ou pela análise de seus cadastros para o evento.

Até mesmo o direcionamento mais eficiente dos participantes pode ser possível. Ao analisar a base de dados de funcionários de uma empresa, sistemas baseados na análise de dados podem mapear aqueles com o nível de conhecimento similar e, dependendo do assunto proposto, montar turmas misturadas ou mais especializadas.

4. Adicionar diferenciais ao evento

Se uma empresa traz elementos tecnológicos e oferece experiências inovadoras a seus participantes, garante a imagem de que está atenta às tendências do mercado. Para isso, deve promover melhorias nos processos, serviços e interações pensando na eficiência operacional e na satisfação dos seus clientes por meio de experiências valiosas.

Otimizar a organização de lugares, promover melhorias nos serviços de estacionamento, oferecer diferentes canais para a compra de tickets, inovar na emissão de certificados, entre outros, não só melhoram a gestão do evento, como também ajudam a caracterizar a empresa como inovadora a partir dos diferenciais que oferece.

5. Garantir a eficiência operacional do evento

Os eventos envolvem cronogramas e atendimento eficiente. Quando um deles sai do planejado, um efeito dominó prejudica a experiência dos usuários e a eficiência da operação. Os participantes de um show circense, por exemplo, podem fazer seus pedidos da lanchonete por meio de um aplicativo, evitando filas e concentrações de pessoas na área de trânsito.

Além de otimizar os serviços da lanchonete, tal tecnologia ainda pode determinar o tempo limite para pedidos, bem como emitir alertas contextualizados com o tema do evento quando o lanche estiver pronto para ser retirado. Isso garantirá que os participantes retornem aos seus lugares dentro do tempo esperado, garantindo que o show possa prosseguir de acordo com o horário.

Segundo a Content Preferences Survey 2015, 91% dos consumidores preferem conteúdos interativos e visuais, e isso certamente é um dos elementos cruciais da otimização da experiência do usuário nos eventos. Ou seja, é preciso inovar!

Quer saber qual a lógica das aplicações de inteligência artificial para gestão e otimização de eventos? Leia mais sobre como os chatbots revolucionaram o setor e entenda por que acreditamos na máxima #chatbotparatodos.